• Instagram

  • Facebook

  • YouTube

  • WhatsApp

  • Podcast

  • Localização

  • Telefones

    + 55 85 3032.2020 . 0800.005.1020

    • Português
    • English
  • Dedicação exclusiva ao transplante capilar.
    Pioneiro em megasessões de fue no brasil.
    Referência mundial em calvícies avançadas e secundárias.

    Dr. Márcio Crisóstomo

    Pós Operatório

    Lavagem de Cabelo

    No dia seguinte à cirurgia o paciente vai à clínica, onde há um Spa preparado para a retirada do curativo e lavagem do cabelo. 

    É importante este primeiro retorno, pois o paciente verá a forma correta de lavar o cabelo sem prejudicar o transplante e perderá o medo natural que existe após a cirurgia. É importante que o curativo seja retirado na clínica para evitar que alguns fios sejam retirados junto com o mesmo. Neste primeiro dia será realizado uma  sessão de LED e a drenagem linfática a laser.

    LED

    O LED (Light Emitting Diodes) é uma tecnologia que utiliza vários diodos que emitem luz em diferentes comprimentos de onda, cada uma com um grau diferente de penetração na pele. Tem várias indicações, inclusive na terapia capilar e no pós-operatório do transplante capilar, onde são utilizados dois tipos de luz: Red e Infra-red

    O LED utiliza o princípio da Fotobioestimulação, que se caracteriza pelo aumento do metabolismo celular. A radiação luminosa atua sobre as mitocôndrias, estimulando a síntese de ATP (substância que é fonte de energia para as células), a síntese de proteínas e contribuindo também com a divisão celular. Todos os pacientes fazem uma sessão primeiro dia pós-operatório.

    Os pacientes que residem em Fortaleza podem realizar um tratamento com o intuito de, na fase mais precoce, diminuir o processo inflamatório do pós-operatório e estimular a cicatrização. Em uma fase mais tardia a função principal é a de estimular o aumento da irrigação sanguínea local, importante para a pega dos fios, e estimular os folículos pilosos. Se a cirurgia foi bem realizada o resultado será bom com ou sem o uso dos LEDs, porém os tratamentos realizados no pós-operatório podem melhorar ainda mais a qualidade do resultado. Acreditamos que em pacientes de cabelo fino, com pouca área doadora e com mais idade devem sempre realizar os tratamentos complementares. Os pacientes que não residem em Fortaleza e que querem fazer uso da bioestimulação, podem realizar um tratamento similar com o Laser de Baixa Potência, ou Low Level Laser, que é portátil e pode ser realizado em casa.

    Laser de Baixa Potência (Low Level Laser)

    O Laser de baixa potência vem sendo utilizado para tratamento da alopecia androgenética desde 2003, mas após sua aprovação em Janeiro de 2007 pelo FDA (Food and Drug Administration), rigoroso órgão quer regulamenta o uso te medicamentos em humanos nos Estados Unidos, o seu uso na terapia capilar aumentou bastante. É utilizado no pós-operatório com a função de diminuição do processo inflamatório e bio-estimulação dos folículos pilosos, à semelhança do LED. Este aparelho apresenta a vantagem de ser portátil e de o paciente poder fazer uso em casa.

    Drenagem

    Além dos benefícios da drenagem linfática manual, associamos o laser de diodo que atua diretamente na dilatação e contração dos vasos linfáticos e micro vasos sanguíneos da região, resultando em uma eliminação mais eficaz do excesso de água e toxinas do organismo, reduzindo assim o tempo de recuperação do pós-operatório.

    Retirada dos pontos

    Os pontos internos são feitos com fios absorvíveis e na pele do couro cabeludo são feitos com um fio de mononylon bem fino. Esta sutura externa é retirada na clínica por volta do 15º dia de pós operatório (não há problema em se retirar alguns dias antes ou depois).

    Evolução Mês a Mês

    Neste item você pode acompanhar a evolução normal do transplante capilar. É claro que o que está aqui ocorre na grande maioria dos casos, mas a evolução varia conforme características individuais dos pacientes.

    1º DIA

    No primeiro dia o paciente vai à clínica para retirar o curativo, lavar o cabelo e realizar uma sessão de drenagem.

    O aspecto é o de milhares de incisões com pequenas crostas onde estão implantadas as unidades foliculares. No caso de Transplantes de Fios Longos, pode observar um grande número de fios com um tamanho considerável, dando uma visão prévia do resultado final.

     Com relação à área doadora, se o paciente tinha cabelos com um tamanho de mais de 1,5cm, não se nota nada, já que os cabelos remanescentes cobrem os pontos.


    Edema em pálpebras inferiores
    Edema em maior grau
    Crostas nos orifícios dos implantes

    1ª SEMANA

    Já no segundo dia você pode dirigir, trabalhar e fazer suas atividades usuais, evitando exercícios físicos e exposição ao sol (ver orientações gerais). É permitido o uso de bonés para disfarçar a área implantada. Em aproximadamente 60% dos pacientes pode haver edema (inchaço) na teste e na região das pálpebras. Este edema ocorre por migração do anestésico local que foi utilizado na cirurgia e que, por gravidade, pode descer para a região dos olhos. Quando ocorre, torna-se mais intenso no 3º dia e regride espontaneamente até o 6º dia. Não é necessária nenhuma medicação, porém massagens na região da testa indo do centro para a frente das orelhas podem ser benéficas.

       No final da primeira semana, durante o banho, pode-se utilizar a ponta dos dedos para massagear suavemente a área implantada, o que favorece a queda das crostas (cuidado para não puxá-las). É normal que é o cabelo implantado caia junto, porém a raiz permanece implantada.


    15 DIAS

    Os pontos são retirados na clínica (para pacientes que moram fora de Fortaleza fazemos um tipo de sutura absorvível). Nesta etapa a maioria das crostas já caiu, assim como a maioria dos cabelos implantados (tanto na técnica clássica, como na técnica de fios longos). Ao caírem todas as crostas o shampoo de pós-operatório pode ser substituído pelo shampoo de uso normal do paciente.


     1 MÊS

    Todas as crostas terão caído, assim como os fios implantados. Não se nota nenhum sinal do implante, além de um leve rubor (vermelhidão) na área implantada relativo ao aumento da circulação local. O paciente está liberado para todas as atividades físicas, banhos de praia e piscina.


    2 MESES

    Ainda não se nota nenhum sinal de crescimento dos fios, mas pode surgir ao final deste período alguns cistos semelhantes a “espinhas”. Isto pode significar fios encravando ao nascerem. Neste momento é importante um retorno à clínica ou contato via e-mail para orientação.


    3 MESES

    Alguns fios podem iniciar o crescimento, mas ainda insuficientes para se apreciar o resultado. Estes vão crescer um centímetro ao mês, em média, o que leva ainda aproximadamente 3 meses para atingirem um tamanho que se pode pentear. Cistos como descritos no segundo mês podem aparecer em maior número. Alguns pacientes podem ter a sensação de que o cabelo não vai nascer, mas basta ter paciência, ainda é muito precoce e o cabelo tem um ciclo próprio de crescimento.


     4 MESES

     Muitos fios já nasceram, mas ainda estão pequenos e o paciente pode pensar que o resultado será aquele, o que pode deixar alguns mais ansiosos. “Onde está o meu cabelo?” ou “será que o resultado é somente este?” são pensamentos comuns. Basta manter a paciência por mais um ou dois meses. Param de aparecer cistos.


    6 MESES 

    A maioria dos cabelos já nasceu, alguns já têm 3 centímetros. Você já pode ter uma boa noção do resultado, embora o cabelo ainda não esteja muito grande para pentear e haja fios novos para nascer. É comum nesta fase o paciente escutar exclamações como “Você está diferente! Eu só não sei o que é… Está mais magro?”. É incrível a reação que algumas pessoas podem ter à mudança que os cabelos promovem na sua fisionomia, mas não percebem que um transplante foi realizado, devido ao grau de refinamento técnico da cirurgia realizada na nossa clínica. A linha anterior natural com fios esparsos e um desenho baseado na anatomia normal do couro cabeludo garante essa discrição.

    Para muitas pessoas, se você não disser que fez um transplante elas não perceberam, e para outras que você disser, não acreditarão dada a naturalidade.


    8 MESES

    Nesta fase, pode-se observar o resultado próximo do final, mas alguns fios ainda não tomaram a forma definitiva. Em pacientes com graus mais avançados de calvície, a partir desse momento pode-se programar (quando há necessidade), uma nova cirurgia, pois geralmente a área doadora tem elasticidade suficiente para uma nova retirada, se houver desejo.


    1 ANO

    Todos os cabelos já cresceram e são definitivos. 

    Agenda Científica

    2020/2021

    10º Annual Congress of Association…

    CIRURGIA DEMONSTRATIVA

    Indore – Índia

    Workshop da Associação Brasileira de…

    PALESTRANTE CONVIDADO

    São Paulo – Brasil

    23.º Encontro Internacional da Associação…

    PALESTRANTE CONVIDADO

    Rio de Janeiro – Brasil

    Graduação em Surgical Leadership pela…

    FORMATURA

    Boston – EUA

    27th World Congress of Hair…

    CIRURGIA DEMOSTRATIVA

    Bangkok – Tailândia

    VI Workshop Latinoamericano de FUE

    PALESTRANTE CONVIDADO

    Cancún – México

    Anos Anteriores
    Anos

    Anteriores

    saiba mais

    Publicações Científicas

    Muito do trabalho de um médico pode ser avaliado pelas novas ideias e contribuições deste à sua especialidade.

    Estas contribuições se traduzem em publicações em revistas científicas especializadas e livros que levam o conhecimento a outros profissionais.

    saiba mais

    Resultados

    Conheça alguns resultados do Dr. Crisóstomo e de sua equipe

    Imprensa/Notícias

    Depoimentos

    Recomendações Internacionais

    Sociedades Médicas e Títulos

    Sociedades Médicas

    Harvard Medical School – Surgical Leadershp Program 2018-2019

    Sociedades Médicas

    Diplomate of the American Board of Hair Restoration Surgery Título de Especialista em Cirurgia de Restauração Capilar Emitido nos Estados Unidos

    Sociedades Médicas

    Membro fundador do Comitê de Pesquisas em FUE da ISHRS

    Sociedades Médicas

    Fellow (FISHRS) Membro do comitê científico organizador dos congressos mundiais de 2015 (Chicago) e 2016 (Las Vegas)

    Sociedades Médicas

    Pós-graduado no Serviço do Prof. Ivo Pitanguy – RJ (3 Anos)

    Sociedades Médicas

    Ordem dos Médicos de Portugal

    Sociedades Médicas

    Membro Especialista e Titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica Monografia em Transplante Capilar

    Sociedades Médicas

    Mestre em cirurgia pela UFC Dissertação em Transplante Capilar Preceptor do Serviço de Cirurgia Plástica durante 5 anos

    Sociedades Médicas

    Associação Brasileira de Cirurgia da Restauração Capilar Desde o primeiro congresso Organizador do workshop “Controvérsias no Transplante Capilar Atual”, Fortaleza / 2016

    Sociedades Médicas

    European Society of Hair Restoration Surgery

    Como escolher

    um cirurgião de calvície com segurança

    Revistas

    Veja na íntegra
    as revistas do
    Instituto Crisóstomo 

    saiba mais
    Dr. Márcio Crisóstomo

    Locais de Atendimento

    • Fortaleza CE
    • São Paulo SP
    • Lisboa Portugal
    • Brasília DF
    • São Luís MA
    • Recife PE
    Confira datas de atendimento

    Fale Conosco

    Itens com (*) são de preenchimento

    obrigatório para o envio do conteúdo.

    Dr. Márcio Crisóstomo
  • Endereço

    R. Leonardo Mota, 2429 – Dionísio Torres

    Fortaleza – CE, 60170-176

  • Telefones

    + 55 85 3032.2020
    + 55 85 99667.3335
    0800.005.1020

  • Instagram

  • Facebook

  • YouTube

  • WhatsApp

  • Podcast

  • Localização

  • Telefones

    + 55 85 3032.2020 . 0800.005.1020

  • Tratamento Acne

    A acne é uma doença extremamente comum, que leva muitos pacientes ao consultório médico em busca de alguma solução, especialmente por conta do desconforto estético. Acne é o nome dado a espinhas e cravos que surgem devido a um processo inflamatório das glândulas sebáceas e dos folículos pilosebáceos. É muito frequente na adolescência, mas sem deixar de ser comum também em adultos, principalmente em mulheres.

    Hormônios sexuais, que começam a ser produzidos na puberdade, são os principais responsáveis pelas alterações das características da pele, assim como pelo surgimento da acne, que também está associado à genética favorável. As lesões aparecem com mais frequência na face, mas também podem ocorrer nas costas, ombros e peito.
    Os sintomas principais são: comedões (cravos), pústulas (espinhas), nódulos e cistos (lesões inflamadas, mais profundas e que podem deixar cicatrizes).

    Alguns fatores podem levar a piora da acne como situações de estresse ou período menstrual. Certos medicamentos como corticóides, vitaminas do complexo B, exposição exagerada ao sol, e o hábito de mexer nas lesões também pioram o quadro.

    O tratamento vai variar de acordo com a gravidade e a localização, e deve ser iniciado o mais precoce possível para evitar problemas psicológicos, maior dano estético e formação de cicatrizes. Pode ser feito com medicações tópicas (aplicadas na pele) ou sistêmicas. Procedimentos como Peelings Químicos, LEDs (light emitting diode) e alguns tipos de lasers também são utilizados para controle das lesões inflamatórias e melhora das manchinhas e cicatrizes.